Invista no seu futuro

Engenharia Rodoviária

Já parou para pensar em quem construiu as estradas pelas quais traçamos nossas rotas e viagens? Como aquelas curvas complexas,  vias de acesso, retas e detalhes, foram desenhados? Esse é o trabalho do Engenheiro Rodoviário.

  • MENSALIDADE 2020 INTEGRAL: 24x R$ 569,00
  • Mensalidade de 2020 com desconto para Alumnis (ex-alunos) formados na Facens/ Empresas Parceiras: R$ 569,00 (matrícula) + 23x R$ 455,00*
  • Mensalidade 2020 com desconto para formandos Facens 2019: R$ 569,00 (matrícula) + 23x R$ 399,00*
  • Carga Horária: 480h (24 meses)



Já sou inscrito

Qual a minha vantagem competitiva depois do curso?

A Engenharia Rodoviária está em contínua evolução, focada em altos padrões de qualidade dos serviços. Assim como a população se desenvolve, cidades dobram de tamanho e há mais veículos e pedestres nas ruas demandando segurança e soluções,  a necessidade do engenheiro especialista em rodovias se faz urgente.

Profissionais graduados em Engenharia Civil, Engenharia de Agrimensura, Engenharia de Produção, e/ou áreas correlatas que atuaram, atuam ou pretendem atuar nas áreas relacionadas a engenharia rodoviária.

Atuar em projetos relacionados à engenharia rodoviária com conhecimentos técnicos na área de elaboração de projetos, construção, manutenção e conservação de estradas

Apresentar os aspectos teóricos, práticos e gerenciais da engenharia rodoviária,

Capacitar e desenvolver habilidades e conhecimentos que permitem formular, discutir, analisar, selecionar e implementar estratégias e mecanismos na área da infraestrutura de transporte rodoviário em empresas privadas e órgãos públicos.

  • Processos de Qualidade, Segurança do Trabalho e Meio Ambiente
  • Planejamento, Orçamento e Documentos Técnicos
  • Gerenciamento de Riscos, Escopo e Tempo
  • Estudo do Tráfego e Topografia
  • Mecânica dos Solos
  • Projeto Geométrico e Terraplenagem de Rodovias
  • Máquinas e Equipamentos, Materiais e Serviços
  • Construção, Restauração e Conservação de Estradas
  • Pavimentação - Teoria e Laboratório
  • Projeto aplicado a Engenharia Rodoviária

CARLOS RINCK

Graduou-se pela PUC-RS (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) em Engenharia Civil no ano de 2002. Concluiu Mestrado Stricto Sensu em Geologia pela UNISINOS (Universidade do Rio dos Sinos) com Dissertação sob o tema: ESTUDO DE MISTURA SOLO-CARVÃO ATIVADO COMO. BARREIRA REATIVA NO TRATAMENTO DE LIXIVIADOS ? Sob Orientação das Professoras Luciana Paulo Gomes e Flávia Burmeister Martins. Finalizou o MBA (Master in Business Administration) em 2016 em Gerenciamento de Projetos, na Fundação Getúlio Vargas - FGV/SP. Atualmente é Coordenador do Curso de Engenharia Civil no IIES - Instituto Itapetininga no de Ensino Superior na cidade de Itapetininga/SP. Onde atua como docente desde 2015 no curso de Engenharia Civil ministrando aulas nas disciplinas de Mecânica dos Solos, Fundações Profundas e Gerenciamento de Obras. Como Engenheiro Civil atuou em empresas nacionais e multinacionais, ocupando posições em nível de chefia e gerenciamento e conta com a participação em diversos empreendimentos na área de gerenciamento de projetos e portfólios em todo Brasil, com aplicação direta de diversas plataformas e metodologias: MS Project; PMBOK®; SCRUM; entre outros. Possui experiência em empreendimentos industriais de grande porte; tanto na concepção de novos sites fabris como em suas respectivas implantações onde foi responsável direto pela implantação de diversos sites fabris. Possui em seu currículo mais de 500mil m² de área de implantação de sites fabris e também de mais de 100mil m² de área construída em construção/reforma/retrofit de obras comerciais como Supermercados; centros comerciais; prédios de estacionamento; Galpões logísticos; entre outros.

Currículo Lattes

(*) Os descontos são válidos apenas para mensalidades pagas até a data do vencimento. Após o vencimento, é cobrado o valor integral da mensalidade, acrescido de juros/multa.

ATO LEGAL: Curso oferecido em conformidade com a Resolução nº 1, de 6 de abril de 2018, do Conselho Nacional de Educação / Câmara de Educação Superior.